Deixe o rio fluir!

Expresse-se sobre sua menstruação …

Responda com honestidade. A idéia é apenas obter respostas de você mesma, e não chegar a um certo ou errado, bom ou mau.
Algumas dessas perguntas eu coloquei no último encontro.
Retire um momento para você e responda a essas perguntas.
Depois de ter respondido, por escrito ou mentalmente, observe a sensação que fica.
Se se sentir inspirada, deixe que as palavras fluam num papel, guiadas não pela mente, mas pelo coração. Veja se tem vontade de escrever um pequeno relato sobre sua experiência pessoal, seus sentimentos e emoções sobre o tema.
Sinta-se livre para expressar-se sem barreiras.

 

Memórias da Menarca

Lembre-se de sua primeira menstruação. Como foi, onde estava? O quanto sabia desse assunto naquele momento? Foi uma experiência assustadora, embaraçosa, emocionante? Quais foram a reação de sua mãe, de sua família, de seus amigos, de seus professores?

Como as mulheres de sua família ou as que estão próximas consideram sua própria menstruação? Como a chamam? Fala com elas sobre seu ciclo menstrual?

Atualmente…

Para você, o que é o sangue menstrual? De onde ele vem? Pra você, ele é novo ou velho, limpo ou sujo, saudável ou não saudável, benéfico ou maléfico?

Como é a sua relação com sua menstruação?

Internamente

. Você se dá um tempo diferente para fazer as coisas? Ou seu dia a dia continua igual, em ritmo e em compromissos?

. Você procura repousar mais, dormir mais cedo, comer melhor e de forma mais regrada ou não há mudanças nos seus hábitos?

. Fica com vontade de fazer alguma coisa que normalmente não faz?

. Que mudanças você nota na sua vida quando está menstruada?

. O que você se permite e o que você não se permite fazer quando está menstruada?

. Menstruar geralmente te deixa aborrecida? Sensível? Alegre? Intuitiva? Reverente?…

. Quais são os sentimentos que emergem geralmente?

. Você nota diferenças entre os seus ciclos? Acha que cada um tem uma característica ou tudo se passa de forma bem conhecida e semelhante?

Externamente

. Você revela às pessoas com quem convive que está menstruada?

. Como se sente ao revelar? É diferente quando se trata de homens ou mulheres?

. Na sua família, ao seu parceiro, como é dizer que está menstruada?

  • o que compartilhamos da nossa experiência com os outros?
  • Qual a imagem que carregamos internamente sobre a menstruação?
  • Qual é imagem que você acha que o outro tem da menstruação?

Intimamente

. Já tocou voluntariamente o próprio sangue? Como é o toque? O que sentiu?

. Já sentiu o cheiro do próprio sangue? Como é?

 

Eu partilhei as memórias da minha menarca há um tempo atrás aqui no blog, para quem quiser ler:

https://aterraviva.wordpress.com/2010/10/29/entregar-o-sangue-a-terra/

 

Para inspirá-las!

Quem nos mandou essa maravilhosa poesia foi a Andréia dos Santos..

 

COMO UM RIO

Ser capaz, como um rio
que leva sozinho
a canoa que se cansa,
de servir de caminho
para a esperança.

E de levar do límpido
a mágoa da mancha,
como o rio que leva
e lava.

Crescer para entregar
na distância calada
um poder de canção,
como o rio decifra
o segredo do chão.

Se tempo é de descer,
reter o dom da força
sem deixar de seguir.
E até mesmo sumir
para, subterrâneo,
aprender a voltar
e cumprir, no seu curso,
o ofício de amar.

Como um rio, aceitar
essas subitas ondas
feitas de águas impuras
que afloram a escondida
verdade das funduras.

Como um rio, que nasce
de outros, sabe seguir
junto com outros sendo
e noutros se prolongando
e construir o encontro
com as águas grandes
do oceano sem fim.

Mudar em movimento,
mas sem deixar de ser
o mesmo ser que muda.
Como um rio.
(Thiago de Mello)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Sagrado Feminino

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s